Pegasus

Fazenda Monte Olimpo

Pegasus

EROS ou CUPIDO
Deus do Amor. 

Filho do Cáos (Aphrodite com Ares) e irmão de Harmony (Harmonia), Phobus (Medo) e Deimus (Terror). 
  
Na mitologia antiga era representado como uma das forças primitivas da natureza e a encarnação da harmonia e do poder criativo do universo. 
  
Retratado como um jovem nu com asas douradas, ligeiro e bonito, lançava flechadas mágicas que inspiravam os sentimento de amor nos Deuses. Significava a vida, assistido por Pótos (ânsia) ou Himero (desejo) e freqüentemente aparece com os olhos cobertos para simbolizar a cegueira do amor. 
  
Às vezes carregava uma flor, mas mais comumente um arco de prata e flechas douradas com o qual atirava os dardos de desejo contra os peitos dos Deuses e dos Homens. 
  
Nas lendas e na arte romana, Eros degenerou numa criança maligna e freqüentemente era retratado como um bebê arqueiro.